STRATOVARIUS - Visions Of Brazil: Entrevista com Guilherme Hirose

quarta-feira, março 12, 2014
A KOSKENKORVA foi formada em 2006, inicialmente chamava-se “Black Diamond”, iniciou suas apresentações no Black Jack Rock Bar em São Paulo capital. A banda já se apresentou em diversos festivais, já foi convidada para o encerramento do show de estréia da banda solo de ANDRE MATOS no Victoria Hall em São Caetando do Sul/SP e também convidada para a abertura da banda ALMAH no Hammer Rock Bar em Campinas/SP.

A banda além de levar aos espectadores as músicas do STRATOVARIUS, tem como objetivo levar também alegria e energia necessária para que o público veja muito mais que um show, um espetáculo onde há total participação do espectador.

INTEGRANTES:
Guilherme Hirose - Vocal
Elder Horii - Guitarra
JadynerErickksen - Baixo
Danilo Turbiani - Teclado
Caio Siqueira – Bateria

A TRAUMER foi fundada em 2009 na cidade de São Paulo, Brasil. A banda iniciou a composição de suas músicas e a procura de músicos para as interpretarem. Após dois anos, a banda encontrou um forte e responsável grupo para continuar trabalhando.

Esta banda faz parte do gênero "Metal Melódico / Power Metal", baseado em bons arranjos, que fazem as pessoas sentirem a música em suas almas.

O nome “TRAUMER" significa “Sonhador” em Alemão, mas também é um nome forte e bem pronunciado em Inglês e Português.

A TRAUMER possui um compromisso com seus fãs, em fazer com que se sintam familiarizados com suas músicas!

INTEGRANTES:
Guilherme Hirose – Vocal
Fabio Polato – Guitarra
Regis Lima – Baixo
Nelson Hamada – Teclados
Felipe Santos - Bateria

Recentemente o STRATOVARIUS BRASIL teve a oportunidade de conversar com Guilherme Hirose, vocalista das bandas KOSKENKORVA e TRAUMER, sobre planos futuros da banda, projetos, shows e etc.

Confira a entrevista abaixo:

Stratovarius Brasil: Saudações Guilherme, tudo bom? É um imenso prazer para a STRATOVARIUS BRASIL estar fazendo esta entrevista. Primeiramente gostaríamos que você nos contasse um pouco do surgimento da KOSKENKORVA.

Guilherme Hirose: A KOSKENKORVA surgiu um pouco antes de eu entrar na banda de fato. A banda tinha o nome de “Black Diamond” nessa época. Houve um show em que eu havia participado em uma das músicas (Paradise) antes deles me chamarem de fato para fazer parte da banda. Depois disso, começamos a levar a banda para diversas casas de shows dentro e fora de SP.

Stratovarius Brasil: Como surgiu a ideia da inspiração do nome da banda? Teve algum motivo especial?

Guilherme Hirose: O nome surgiu após o lançamento do StratovariusStratovarius, com a música The Land of Ice and Snow. Na época nem sabíamos o que significava a palavra, mas achamos bem legal e acabou ficando como o nome da banda.

Stratovarius Brasil: Conte-nos como foi à experiência do convite de estarem no encerramento do show de estréia da banda solo do ANDRE MATOS e logo depois ser banda de abertura do ALMAH?

Guilherme Hirose: Levando em consideração que foi um momento único na carreira do Andre, e deixando de lado alguns fatos que ocorreram neste evento que nada tiveram a ver com ele, foram grandes momentos para a banda, o nome acabou entrando para o circuito nacional, foi muito importante para nós. 

Stratovarius Brasil: A KOSKENKORVA deu uma pausa em suas atividades em 2009 e retornou em 2012. Como andam os processos de shows? Existe algum plano para o futuro da banda?

Guilherme Hirose: Digamos que estaremos sempre preparados para uma apresentação, e sempre que houver convites, faremos o possível para agenda-las. Atualmente, cada integrante da Koskenkorva está com um projeto próprio dentro ou fora da música e isso acaba tomando quase que 100% do nosso tempo, por este motivo acabamos por não dedicar muitos esforços para agendamento de novos shows, mas, reforço que sempre estaremos preparados para uma nova apresentação!

Stratovarius Brasil: Vocês já tocaram em diversos e memoráveis festivais no país. Atualmente são os melhores ou piores dias da banda?

Guilherme Hirose: Posso dizer que são os melhores, pois, cada integrante encontrou seu caminho, dentro ou fora do ambiente musical. E quando se tem uma carga de experiência, como a que tivemos a oportunidade de ganhar, tudo fica mais conciso.  

Stratovarius Brasil: Você também faz parte da banda paulistana TraumeR. Como surgiu a ideia de você assumir o vocal da banda?

Guilherme Hirose: Para a TraumeR, eu recebi o convite de alguns integrantes fundadores da banda e depois de um tempinho, acabei adotando a banda toda e comecei a cuidar dos assuntos gerais.

Stratovarius Brasil: Em março de 2012 a TraumeR lançou seu único EP, “Eleazar”. Como foi o processo de gravação e composição do EP?

Guilherme Hirose: Como nos dias de hoje, tempo é um privilégio de poucos, boa parte do processo de composição foi feito à distância. Utilizamos bastante a internet para a comunicação e acertos das músicas, a gravação foi feita em um estúdio em São Paulo, bem como a mixagem e masterização. Isso mudou bastante para o nosso primeiro álbum que deve ser lançado muito em breve. Desta vez, me juntei com o Polato para compor as primeiras ideias de 80% do disco, e cada integrante foi responsável por suas respectivas partes em cada música. O que hoje em dia, podemos dizer que é algo bem incomum em se tratando de bandas de Metal.

Stratovarius Brasil: Algum membro da KOSKENKORVA já teve a oportunidade de conhecer alguém do Stratovarius? Se sim, como foi à experiência?

Guilherme Hirose: Creio que todos nós, após o Live N’ Louder fomos ao hotel e acabamos por conhecer e conversar um pouco com cada um deles. A experiência de um fã para com seu ídolo é sempre muito impactante, inesquecível e atrapalhada. A hora em que você mais gagueja e quer perguntar o mundo em alguns minutos. Mas foi muito legal, mesmo!

Stratovarius Brasil: Agora vamos falar um pouco do novo lançamento do STRATOVARIUS, “Nemesis”. Qual a sua opinião em relação ao álbum?

Guilherme Hirose: Sou bastante suspeito para falar de Stratovarius, mas, acredito que tenha sido um retorno ao metal melódico propriamente dito, forte e conciso, depois de tantos momentos difíceis na banda.

Stratovarius Brasil: Defina épocas do STRATOVARIUS: Com Timo Tolkki e sem Timo Tolkki?

Guilherme Hirose: O Timo T. obviamente é o espirito criador de toda aquela temática que o Stratovarius sempre levou nos discos, clipes e shows. Não posso dizer nada de mal deste grande guitarrista e líder (olhando por fora), pois ele realmente sabia como gerenciar uma banda. Depois de sua saída, a banda ficou visivelmente um pouco perdida nesta questão de liderança, mas creio que seja normal, pois, hoje em dia eles já estão bastante fortes em relação à época que voltaram sem ele.

Stratovarius Brasil: Ano passado Timo Tolkki lançou seu novo trabalho, “The Land Of New Hope”, com o seu novo projeto AVALON. Você concorda que o músico deixou de mão a sombra do STRATOVARIUS e podemos dizer que o guitarrista soa diferente com seu novo projeto?

Guilherme Hirose: Sim e não. Quando você conhece o estilo de um compositor, como ele, você vai encontrar todos os elementos que ele sempre usou em cada nova composição, porém, sem dúvidas o projeto traz uma forma de produção bem diferente e temas mais diretos e simples do que os utilizados no Stratovarius.

Stratovarius Brasil: Você tem Timo Kotipelto como influência? Quais as dificuldades de cantar como tenor?

Guilherme Hirose: A minha MAIOR influência, eu diria. Na verdade, grande parte dos vocalistas deste gênero são Barítonos, que, com as famosas técnicas vocais, alcançam facilmente notas de um tenor. As dificuldades são inúmeras, não é à toa que poucos são os cantores deste gênero e muito são os que acabam caindo nas piadas da internet, mas, tudo depende de muita dedicação e estudo.

Stratovarius Brasil: Muito obrigado Guilherme, foi um prazer e pra finalizar mande uma mensagem a todos os leitores do fã clube STRATOVARIUSVISIONS OF BRAZIL.

Guilherme Hirose: Eu que os agradeço, foi um grande prazer conversar com vocês!!! Espero que possamos nos ver em breve em um show da Koskenkorva ou mais provavelmente em um show da TraumeR. Fiquem ligados para o lançamento do nosso primeiro álbum, em breve. Acompanhem nossa página no facebook e nosso website!!! Um grande abraço a cada um de vocês da Stratovarius Brasil e Visions of Brazil!!!

Rock the Metal \,,/


TraumeR / Guilherme Hirose

COMPARTILHE!

Site dedicado ao Stratovarius

Relacionados

Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »