STRATOVARIUS - THE CHOSEN ONES

segunda-feira, dezembro 03, 2012
Focada no que podemos chamar de primeira fase da carreira do Stratovarius, "The Chosen Ones" traz faixas pinçadas entre os álbuns "Fright Night" de 1989 e "Destiny" de 1998, naquele que é considerado o melhor e mais inspirado período do quinteto.

Há clássicos absolutos não só do heavy metal melódico, mas também da música pesada produzida na década de 90, como a emblemática "Black Diamond", "Twilight Time", "Father Time" e "Kiss of Judas". Unindo a influência de artistas como Rainbow, Malmsteen e Helloween  a um compositor repleto de idéias e com um background tomado por elementos de música clássica, o grupo conseguiu construir a sua própria sonoridade, incluindo na receita básica do metal melódico novos elementos, como as melodias grandiosas e carregadas de influências neo-clássicas, os solos brilhantes e rapidíssimos de Tolkki e os vocais competentes de Timo Kotipelto.

"Black Diamond", por exemplo, é uma faixa que ao lado de poucas outras, como "Eagle Fly Free", "I Want Out" e "Future World" do Helloween, para citar apenas uma banda, definiu o speed metal como gênero, e é presença obrigatória em qualquer antologia séria focada no estilo.

Ao lado dessas composições hipnóticas e clássicas do Strato há canções menos badaladas mas não menos brilhantes. É o caso de "Paradise", uma paulada que mescla elementos de melódico com metal tradicional, com ótimas linhas vocais de Kotipelto. Outro exemplo é a futurística "Dreamspace", que expõe em seus quase seis minutos um dos caminhos mais interessantes que o metal melódico poderia ter seguido, repleto de mudanças de climas e andamentos, apostando mais em passagens cadenciadas do que em velocidades absurdas, antecipando em alguns anos o que o Kamelot faria com extrema competência mais tarde. E, claro, há os retratos de um grupo mais cru e menos grandioso, mas já mostrando saber muito bem o que pretendia fazer, em faixas como "Against the Wind" e a ótima "Speed of Light".

"The Chosen Ones" é um excelente título para quem pretende entender e conhecer melhor um dos estilos, paradoxalmente, mais populares e mais odiados entre os bangers: o heavy metal melódico. Suas faixas apresentam uma considerável parcela do trabalho de uma das mais importantes e influentes bandas do estilo, e atestam o porque de o Stratovarius ter tomado o tamanho que tomou.

Independente de gosto pessoal, é um item obrigatório para entender melhor a história do heavy metal.

Faixas:
1. Black Diamond
2. Twilight Time
3. Father Time
4. The Hands of Time
5. Dream With Me
6. Paradise
7. Out of the Shadows
8. Forever
9. Full Moon
10. Kiss of Judas
11. S.O.S.
12. Dreamspace
13. Against the Wind
14. Speed of Light
15. 4000 Rainy Nights
16. Will The Sun Rise?

Fonte: Whiplash

 

COMPARTILHE!

Site dedicado ao Stratovarius

Relacionados

Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »